Conta-Me Histórias, que EU Gosto!… Contas? #21 – TU E EU, AFINAL ERA O DESTINO!…


Photo in Tumblr - by Passionate souls

Photo in Tumblr – by Passionate souls

 

#21 – TU EU? AFINAL ERA O DESTINO!…

 

Estava um dia bonito, soalheiro, com um céu azul celestial e umas quantas nuvens dispersas, que lá de cima mais pareciam aglomerados de algodão gigantes e, por isso mesmo, perigosíssimos, aos olhos dela.

Caramba! Era sempre a mesma coisa quando voava – pensava -; o que a ter que ser, era sempre um último recurso, por via dos terríveis ataques de pânico e fobia das alturas, que a perseguiam desde que se lembrava que era gente.

Mas felizmente, estava quase a terminar o martírio – o voo com a escala Nova-York – Lisboa -, para finalmente voltar a colocar os pés em terra firme.

Contíguo ao seu lugar no avião, viajava um homem tranquilíssimo, – aspecto que lhe despertou a atenção; mais até, do que o facto de ele ser muito bem parecido.

– Posso ajudá-la de alguma forma? – Indagou a criatura, fitando-a nos olhos, fazendo denotar alguma preocupação com os sinais de mal-estar da sua parceira de voo.

– Não obrigada. Quando aterrarmos ficarei instantaneamente bem. – Retorquiu, tentando amenizar o indisfarçável ar aterrorizado.

Aquela simples troca de palavras suscitou logo ali um momento mágico, em que os olhares se cruzaram e ficaram cativos um no outro, ainda que por breves instantes.

Quando o avião aterrou, despediram-se cordialmente, já se denotando nela um tremendo alívio. Mais uma vez, os olhos cruzaram-se, demoraram-se, para depois se emudecerem. Ela agradeceu toda a atenção e amabilidade que ele lhe prestou e, cada um foi à sua vida.

Em terra, estava um calor abrasador. Tinha vindo propositadamente a Portugal para participar no casamento de uma amiga de longa data, cuja cerimónia iria realizar-se no dia seguinte.

Já no evento, o calor continua insuportável. Sente-se perdida e estranhamente nostálgica, no meio de uma catrefada de gente desconhecida, pelo que tenta recatar-se, para dar o mínimo possível nas vistas.

De repente surge a noiva, que a agarra pela mão e a conduz a trote, por entre os convidados. – Anda! Quero apresentar-te uma pessoa. – Argumentou eufórica, com a convicção e a pressa de quem tinha uma multiplicidade de tarefas para cumprir num curto espaço de tempo.

– Santiago, esta é a Vitória. Vitória, apresento-te o Santiago; os meus amigos de sempre; curiosamente, agora, ambos emigrados em New York city. – Enfatizou com a mesma euforia, expressa num sorriso e olhar felizes, tomando ambos pela cintura, num destemido e saudoso abraço. – E agora deixo-vos, mas prometo voltar, para pormos a conversa em dia!… – E lá foi, que nem bailarina singela, no seu longo vestido em tule pérola, distribuir sorrisos ali e acolá, e desfrutar momentos únicos com o mister sortudo que se apossara do seu coração.

Instintivamente e quase em simultâneo, e ainda, de olhos postos um no outro, Santiago e Vitória sorriram, para depois rirem, e rirem compulsivamente. Interromperam a risota para se cumprimentarem com dois beijos na face. Aqueles dois beijos, decididamente não foram uns beijos quaisquer. Causaram uma espécie de faísca; foram o rastilho activo para despoletar um turbilhão de emoções e de sensações inexplicáveis, de todo imprevistas.

Fixaram novamente os olhos um no outro e, sem pedir licença, – também não era suposto pedir, certo? – invadiram o interior de cada um, direitos ao coração.

Naquele momento, o mundo parou para aqueles dois. Nada mais importava que não, o que estavam a sentir. As borboletas no estômago eclodiam à velocidade da luz: O coração galopante, parecia querer exteriorizar-se do peito. E fez-se magia…

Deram as mãos em silêncio, – o que era irrelevante, pois naquele momento, o silêncio valia mais que mil palavras -; apertaram-nas com força e fugiram dali. Tinham pressa de saber um do outro; por inteiro… e de viver.

 

 

 

 

© Paula Pedro 

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: